Cromoterapia

A Cromoterapia é uma técnica de cura não invasiva, que se caracteriza pelo uso das cores para o tratamento físico, mental e espiritual.

É baseada nas sete cores do espectro solar, onde cada cor tem uma vibração específica. Inicialmente a vibração das cores age nos campos de forças – denominados chakras –, equilibrando energeticamente, e de seguida o seu efeito atinge um nível físico, favorecendo o restabelecimento de algum órgão afectado.

Existem sete grandes chakras ao longo do eixo vertical do corpo de energia, correspondente à coluna vertebral no corpo físico. A energia sob a forma de luz é atraída pelo campo energético, que funciona como um prisma, partindo-a em sete correntes que correspondem às bandas de frequência de espectro de cor. Cada uma delas é atraída por ressonância a um chakra, cujas vibrações estão na mesma frequência.

As cores surgem a partir da incidência da luz. A energia luminosa é composta pelas sete cores, como foi comprovado pelo físico e matemático Isaac Newton. Incidindo um raio de luz branca num prisma, decompõe-se a luz em sete cores: Vermelho, Laranja e Amarelo – ondas longas, Verde – onda média, Azul, Índigo e Violeta – ondas curtas.

Assim como os nossos ouvidos captam o som, os nossos olhos têm a percepção da cor de acordo com a frequência de vibração. As frequências mais baixas dão-nos a sensação do vermelho e as mais altas a sensação do violeta. Quanto maior a frequência, menor o comprimento de onda e maior da energia.

Se assim é, cada cor, com uma frequência diferente, vai produzir igualmente resultados diferentes sobre o corpo.

Tal como um arco-íris, uma pessoa saudável deverá distribuir todas as energias, comprimentos de onda e cores de uma forma equilibrada.